Nesse Mundo você verá refletido a paixão e o horror de seus senhores secretos, e a esperança da redenção que mantém a maioria dos habitantes deste lugar amaldiçoado vivendo ou não.
 
PortalPortal  InícioInício  FAQFAQ  BuscarBuscar  MembrosMembros  GruposGrupos  Registrar-seRegistrar-se  Conectar-seConectar-se  

Compartilhe | 
 

 Esclarecendo dúvidas sobre Vampíros.

Ir em baixo 
AutorMensagem
@Sarah Saydown
Assamita
Assamita
avatar

Mensagens : 156
Data de inscrição : 15/01/2011
Idade : 26
Localização : Casa do seu Senhor

Ficha do personagem
Pontos de vida:
30000/30000  (30000/30000)

MensagemAssunto: Esclarecendo dúvidas sobre Vampíros.   Ter Fev 08, 2011 5:07 pm

Os vampiros que caminham sobre a Terra nas noites modernas
— ou Membros, como gostam de ser chamados — são, ao mesmo
tempo, similares e diferentes do que poderíamos esperar. Talvez
seja melhor começar nossa discussão sobre os rnortos-vivos como
se fossem uma espécie separada dos humanos — seres inteligentes e
com semelhanças superficiais com os humanos que um dia foram,
possuindo inúmeras diferenças fisiológicas e psicológicas.
Na maioria dos casos, os vampiros lembram os monstros do mito e
do cinema (existe algum fundo de verdade nas histórias de que
estes talvez tenham sido criados por mortais iludidos e confusos).
De qualquer forma — não importa o que os intrépidos caçadores
de vampiros tenham aprendido — nem todas as superstições sobre os
vampiros são verdadeiras.


Vampiros são imortais. (Verdadeiro).
Embora possam ser mortos (um processo muito difícil), eles não envelhecem e não morrem de causas naturais. Eles não precisam dos alimentos que os humanos comem, e não precisam respirar.

Vampiros são mortos-vivos e devem sustentar-se com o
sangue dos vivos.
(Verdadeiro).
Um vampiro está clinicamente morto — seu coração não bate, ele não respira, sua pele é fria, ele
não envelhece — porém ainda é capaz de andar, planejar, falar...
caçar e matar. Para sustentar sua imortalidade artificial,.um vampiro
deve consumir sangue periodicamente, preferivelmente sangue
humano. Alguns vampiros penitentes garantem sua existência ali-
mentando-se do sangue de animais, e alguns vampiros mais velhos
precisam caçar e matar outros de sua própria raça. Porém, a maioria
deles consome sangue de elementos da mesma espécie a que
pertenciam: os humanos.
Os vampiros drenam o sangue de suas vítimas através do uso
dos caninos retráteis, que lhes são concedidos magicamente no
momento em que se tornam mortos-vivos. Eles também têm uma
habilidade mágica de cicatrizar os ferimentos causados às suas vítimas
durante a sua alimentação, lambendo o local e com isso eliminando
todos os indícios de seu ataque.
O sangue é tremendamente importante para os Membros, por
ser tanto a base de sua existência como a fonte de seu poder. O
alimento mortal, o ar mortal, o amor mortal — nada disso tem
significado para um vampiro. O sangue é a sua única paixão, e sem
ele, o vampiro irá rapidamente definhar e ficar inativo. Além do
mais, os vampiros podem usar o sangue roubado para realizar es-
pantosas façanhas de cura, força e outras mágicas.


Qualquer pessoa mordida por um vampiro se transforma
em vampiro.
(FALSO).
Se fosse verdade, o mundo estaria lotado deles. Os vampiros se alimentam de sangue humano, é verdade, e às vezes
matam suas presas — mas a maioria dos humanos que morrem de um
ataque vampírico simplesmente falece. Para retornar como um
morto-vivo, é preciso que todo o sangue da vítima seja drenado e
que ela seja alimentada com um pouco do sangue vampírico logo
em seguida. Este processo, chamado de O Abraço, causa a
transformação mística de humano para morto-vivo.


Vampiros são monstros — espíritos demoníacos incorporados em cadáveres. (Falso)... e (verdadeiro).
Os vampiros não são demónios per se, mas uma combinação de fatores trágicos os compele inexoravelmente a cometer más ações. No início, o novo vampiro pensa e age de modo muito semelhante a como quando ainda vivia. Não é de imediato que ele se transforma num demônio, num monstro sádico. Entretanto, ele logo descobre a absurda fome de sangue e percebe que sua existência depende de se alimentar de seus seme-
lhantes. Muitas vezes, o comportamento do vampiro muda — ele o bastante para transformar um mortal em um morto-vivo. Este Processo pode ser executado até mesmo em um ser humano que já esteja morto, desde que o corpo ainda esteja quente. Assim que o sangue é devolvido, o mortal "acorda" e começa a
beber por sua própria iniciativa. Embora reanimado, o mortal con-
tinua morto; seu coração não bate e ele não respira. No decorrer das
semanas seguintes, seu corpo sofre uma série de transformações
sutis, ele aprende a usar o sangue em seu corpo, e é ensinado sobre
os poderes especiais de seu clã. A partir deste ponto, ele é um vampiro.

O MAIS IMPORTANTE!!!!!

VAMPIROS NÃO BRILHAM NO SOL, ELE QUEIMAM, REPITO QUEIMAM, Q-U-E-I-M-A-M
ISSO AQUI NÃO É CREPÚSCULO
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
 
Esclarecendo dúvidas sobre Vampíros.
Voltar ao Topo 
Página 1 de 1
 Tópicos similares
-
» Dúvidas sobre o RPG Maker
» Algumas dúvidas sobre: Aggron-Donpham-Tyranitar / Royal Porygon 2
» minha historinha sobre percy jackson
» Entrevista ao Masashi Kishimoto sobre os pais da Sakura Haruno
» SOBRE LOBOS E SOMBRAS

Permissão deste fórum:Você não pode responder aos tópicos neste fórum
Vampiro RPG :: Introdução de Vampiro: A Máscara :: O que é um Vampiro?-
Ir para: